Mudança para que te quero!

A mudança só começa a acontecer quando te comprometes. Primeiro contigo, depois com o mundo. Não chega só querer muito. É necessário que te permitas. Na maioria das vezes o querer está associado à mente, à vontade do Ego. A permissão está intrinsecamente ligada ao coração. 

Pode dizer-se que, quando essas duas forças se juntam, o “impossível” torna-se possível. Mas é a disponibilidade para o compromisso que acciona este movimento. Assim se inicia a jornada do sim. Sim à vida na sua totalidade. 

Sem resistência, culpa, expectativa, mágoa ou ressentimento. Apesar de todos estes sentimentos serem comuns a todos nós, é no momento em que lhes dizemos sim que começamos o verdadeiro processo de acolhimento. E só existe um sítio onde tudo pode ser abraçado: o coração. Ele é a fonte de todo o amor. 

O amor transmuta, re-alinha, entrega, preenche, resgata e renova. É esta frequência que te impele e sustenta na mudança. Não existem pós mágicos para ela, nem remédios insanos. O que existe é a vontade envolvida pelo compromisso de te conheceres e amares. Nesse caminho de respeito, por ti conseguirás dissolver tuas dores dando-lhes um lugar tranquilo dentro do teu coração sereno. Pode até ser que sintas incómodo quando assumes em ti este desejo, mas lembra-te que apenas chega a dor que está pronta ser integrada.

Compromisso, responsabilidade e muita leveza serão teus fiéis companheiros de viagem. Encontrarão abrigo num coração imenso e deixarão o teu Ser completo.

Filomena de Paula

Saiba mais sobre a autora Filomena de Paula aqui.

Conheça o seu livro PASSO A PASSO UM OLHAR SOBRE O DESENVOLVIMENTO PESSOAL E A ESPIRITUALIDADE 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*Obrigatório